Janeiro Branco: Quem cuida da mente, cuida da vida

Campanha é dedicada a colocar os temas da saúde mental em evidência a fim de prevenir o adoecimento emocional do ser humano

Depois do rosa, azul e do laranja, agora o Brasil se veste de branco. Essa é a cor escolhida para representar  a campanha “Janeiro Branco”, que é dedicada a colocar os temas da saúde mental em evidência a fim de prevenir o adoecimento emocional do ser humano, principalmente em casos de depressão e ansiedade.

A ação aproveita o início de todo ano para incentivar as pessoas a pensarem a respeito das suas vidas, dos seus relacionamentos e do que andam fazendo para serem verdadeiramente felizes. “O Janeiro Branco propõe-se a fazer do mês de janeiro um mês dedicado às reflexões, às orientações e ao planejamento de ações estratégicas em prol da saúde mental. E da felicidade nas vidas de todas as pessoas e em todos os ambientes em que elas estejam”, explica a coordenadora do curso de psicologia da Faculdade Estácio, Andréia Mendonça.

Para a profissional a ação ajuda ainda a combater o preconceito de ir ao psicólogo. “A campanha também combate aos estigmas que cercam os transtornos psiquiátricos e seus tratamentos, por meio da psicoeducação e inúmeras ações e atividades, que acontecem durante todo o mês”, completa.

Criada em 2013 pelo psicólogo mineiro Leonardo Abraão, a ação teve sua primeira edição em janeiro de 2014 e, desde então, vem ganhando força no Brasil. Recentemente, o tema também foi discutido em países como Estados Unidos, na cidade de Boston, em Portugal, Japão e alguns países da África.

Frases como “quem cuida de si, já cuida do outro” e “autoconhecimento também tem a ver com a saúde mental” são algumas das reflexões usadas por psicólogos para chamar a atenção de todos para os cuidados consigo e com o outro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *